segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Velhas Boas aberturas

A semana começou bem, e agora com a segunda (e última) parte dos animes inesquecíveis. Esse desenho também fez parte da minha infância "As Guerreiras Mágicas". Agora, passando para os anos 2000 à 2005 a época da minha adolescência e dos meus 20, 21 anos mais ou menos. Começando com um amime muito hilário e cheio de ação e aventura: Tenchi Muyo. Outro anime engraçadíssimo com muita ação e aventura nos meus tempos de adolescente é Bucky (só não sei se essas bombas com carinhas malvadas eram "laranjinhas" ou "tomatinhos" que os personagens do anime jogavam e explodiam como bombas rs...) Eu adorava muito este desenho (que era só pras meninas), me deu saudades... "Kaleidostar". Este era o desenho mais divertido e bobinho que assistia muito e me divertia muito: "Mirmo Zibang!" Este eu quase não assistia muito, mas adorava demais... "As Aventuras de Nadja" E encerrando com mais um saudoso anime para meninas que também marcou muito meus primeiros 20 anos com muita alegria, "As Super Gatinhas". Espero que vocês tenham gostado, em breve tem mais biografias, notícias, curiosidades e novidades por aqui.

quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Velhas Boas aberturas

Hoje vou fazer um especial com aberturas de desenhos (animes) antigos da minha infância nos anos 90, este primeiro é com o "Fly, o Pequeno Guerreiro".
Um dos animes mais lembrados da garotada, virou um fenômeno em 1996: "Os Cavaleiros do Zodíaco" Este amime foi a minha preferida quando assistia na extinta TV Manchete, "Sailor Moon". Mais uma bem lembrada da saudosa Manchete, é uma aventura muito louca e emocionante: "Yu Yu Hakusho". Um anime que era muito bobinho mas assistia pra caramba: "Dragon Ball", deu saudade... Não sou muito fã de assistir futebol, mas este desenho foi show de bola... "Super Campeões" E para terminar, essa também não dá pra esquecer: "Shurato" quem já assistiu gostava.

sábado, 1 de agosto de 2015

*******VELHAS BOAS MUSICAL******* Esta semana: O Sonho Não Pode Acabar - Dhema

Me pegou de jeito diferente
Estou apaixonado
Estava por aí de mão em mão
Usando e sendo usado

De repente tudo aconteceu
Todo o seu encanto me prendeu
Sua fala roca já pedindo minha boca
Tudo que era meu

Já não me pertenço essa paixão
Roubou o meu juízo
Transformou a minha solidão
Me deu um paraíso

Cala minha boca com seus beijos
Parece adivinhar os meus desejos
Se enrosca em meu corpo
Possuindo pouco a pouco
Me faz enlouquecer

Me pega eu quero todo o seu chamego
O carinho desse aconchego
Todo amor que tem para me dar
Para me dar
Na vida o que é da gente está guardado
Valeu eu ter te esperado

quarta-feira, 17 de junho de 2015

Ele fez um sucesso estrondoso nos anos 90 com seu pagode romântico com muito charme, balanço e estilo próprio, seu nome é Ademir Marques da Silva, mais conhecido como o Dhema, cantor e compositor brasileiro. Como compositor, estreou nos discos do cantor Bebeto, parceiro com quem compôs maiores sucessos, seu primeiro disco que estreou sua carreira como cantor foi "Clube do Swing" (1992), "Swing do Amor" (1993), "Dhema" (1994), "Maliciosa" (1997), Ao Vivo (1999) e o último mais recente foi o CD 25 Anos de Sucessos (2013).

sábado, 23 de maio de 2015

JOVEM GUARDA ESPECIAL

Renato e seus Blue Caps é um conjunto musical formado em 1959 pelos irmãos Renato Barros, Ed Wilson (*29/07/1945 +04/10/2010) e Paulo César Barros, Euclides de Paula (futuro guitarrista-solo e arranjador do grupo instrumental The Pop´s) e Gelson, jovens moradores do bairro da Piedade, no Rio de Janeiro, com o nome Bacaninhas do Rock da Piedade. O primeiro nome foi censurado e o radialista Jair de Taumaturgo sugeriu o nome definitivo, inspirado no conjunto norte-americano Gene Vincent And His Blue Caps. Tocaram no rádio e em programas de televisão, como Os Brotos Comandam, da TV Rio, apresentado por Carlos Imperial. Gravaram o primeiro compacto em 1962 e se notabilizaram principalmente pelas versões que faziam de músicas de língua inglesa (a maioria britânicas), como "Não Te Esquecerei", versão de "California Dreaming", de The Mamas & The Papas, "Menina Linda", versão de "I Should Have Known Better", "Até o Fim", versão de "You Won't See Me" ,"Tudo O Que Sonhei" versão de "If I Fell' (ambas de Lennon/McCartney) e "Escândalo", versão de "Shame And Scandal In The Family" (Donaldson/ Brown). Em 1963 Ed Wilson saiu do grupo e iniciou carreira solo, sendo substituído por Erasmo Carlos, que teve uma participação breve no grupo. Tornaram-se um sucesso se apresentando no programa Jovem Guarda, em shows, festas e bailes. Em 1966 apareceram em dois filmes: Na onda do iê-iê-iê e Rio, Verão & Amor. O conjunto também era formado por Erasmo Carlos, substituto de Edson Barros (Erasmo depois saiu dos Blue Caps para ser um cantor solo e virou sucesso até hoje), Cláudio Caribé (que ficou pouco tempo no grupo) Carlinhos, Scarambone, Ivanilton (que também ficou pouco tempo no grupo e depois saiu para ser cantor solo como Michael Sullivan, e é um compositor de sucesso até hoje), e Roberto Simonal. A formação mais recente de Renato e Seus Blue Caps desde 1996 até os dias de hoje é formado por: Renato, Cid, Gelson (eles ainda estão em formação original desde os anos 60 e 70), Darcy e Amadeu Signorelli.

quinta-feira, 7 de maio de 2015

VELHAS BOAS ATUALIDADES
Nintendo anuncia construção de parques temáticos inspirados em games

 A empresa de games Nintendo, conhecida encanador Mário, anunciou que em breve será criado um parque temático com os famosos personagens dos jogos. A parceria com a Universal, empresa que possui parques temáticos nos Estados Unidos, Japão e Cingapura, foi anunciada nesta quinta-feira (7) e promete criar experiências espetaculares dedicadas aos jogos, personagens e mundos conhecidos da companhia. Em comunicado, a Big N anunciou: "A Nintendo criou mundos singulares e imaginativos cheios de histórias cativantes e personagens queridos. E agora, pela primeira vez, essas histórias e personagens ganharão vida de formas inteiramente novas", continuou a empresa em comunicado. Breve a gigante dos games divulgará maiores detalhes sobre o parque. A empresa pretende ainda iniciar a produção de jogos para smartphones e tablets.

sábado, 25 de abril de 2015

Fundada no início dos anos 80 por Armando Campos ex-locutor da Nacional AM, a rádio Master FM foi mudando pouco tempo depois para Tropical FM em 1985, esta foi a primeira rádio do Rio de Janeiro quase totalmente dedicada ao samba. A rádio foi responsável pelo lançamento de talentos ainda iniciantes na época, como Almir Guineto e Zeca Pagodinho. Durante todo o tempo em que foi, informalmente, a "rádio do samba", foi porta-voz dos cantores, compositores e músicos do gênero, e também das escolas de samba, que contavam com a divulgação da Tropical durante todo o ano com muito sucesso. Os anos da década de 1990 (a era pós-Collor) quebraram a Tropical FM. Inicialmente, Armando Campos tentou salvá-la, transformando-a em rádio de sucessos populares, sem êxito. No final dos anos 90, Armando Campos extinguiu a Tropical, e deu sua última cartada: transformou a FM 104.5 numa emissora dedicada à música instrumental, principalmente orquestrada, e voltada para os escritórios. Esta rádio teve dois nomes: Scalla FM, e depois Instrumental FM. Hoje em dia, a rádio 104.5 é uma emissora evangélica mesclada com esportes (rádio Família FM).